UFCA adere à Agenda Ambiental nacional na intenção de reforçar ações de educação para a sustentabilidade

Atualizado em 16/01/2020 às 14h59

Foto: Emanoella Callou - DCOM/UFCA

A Universidade Federal do Cariri (UFCA) aderiu à Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) (link para uma nova página), política pública do Governo Federal, desenvolvida como programa de sustentabilidade pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA). O termo (link para uma nova página) foi publicado nesta segunda-feira, 13 de janeiro, no Diário Oficial da União (DOU).

Durante o prazo de cinco anos, que pode ser renovado, a UFCA atuará com o objetivo de promover a conscientização de uma cultura antidesperdício e a utilização coerente dos recursos naturais e dos bens públicos. Para isso, fortalecerá as atividades de Educação para a Sustentabilidade, ação que já promove palestras e eventos sobre o tema na instituição, transformando em um programa mais amplo.

UFCA Sustentável

A UFCA, desde que foi criada em 2013, tem priorizado a temática da sustentabilidade nas ações desenvolvidas. Além da sustentabilidade estar presente como um princípio no referencial estratégico da universidade (missão, visão e valores), a instituição busca sensibilizar, conscientizar e gerir a universidade com o objetivo de consolidar essa perspectiva. Atualmente, existe a Coordenadoria de Gestão da Sustentabilidade (CGS), responsável por coordenar e acompanhar essas ações. O setor é ligado à Pró-Reitoria de Planejamento e Orçamento (Proplan/UFCA) e tem à frente a professora Ingrid Mazza.

Ao longo do ano, são realizadas atividades ligadas à sustentabilidade nos campi e nos setores, orientadas por princípios definidos na Política de Gestão da Sustentabilidade (PGS) e no Plano de Logística Sustentável (PLS). No momento, além da ação Educação para a Sustentabilidade, existe a coleta seletiva solidária, que recolhe resíduos recicláveis descartados, separados na fonte geradora para destinação às associações e cooperativas de catadores de materiais recicláveis, e há também outras atividades relacionadas à gestão e logística de sustentabilidade.

A preocupação com a sustentabilidade ainda faz parte das decisões administrativas da universidade. O desenvolvimento de projetos para obtenção de energia por fontes alternativas, por exemplo, está presente no Plano de Desenvolvimento Institucional 2020 (PDI 2020). Pensando nisso, o campus Juazeiro do Norte, em breve, terá uma usina de geração de energia solar fotovoltaica (link para uma nova página). Os 12 painéis, instalados na cobertura dos prédios, produzirão o suficiente para suprir 30% da demanda de energia do local.

Agenda Ambiental

A maior parte das entidades públicas já adota procedimentos considerados sustentáveis. Em diversas instituições, por exemplo, a coleta seletiva é uma prática comum; em algumas foi adotado sistema para evitar o desperdício de água; outras estabeleceram que toda licitação será dentro de critérios de sustentabilidade. A intenção do Programa A3P, uma agenda voluntária que se destina aos órgãos públicos federais, estaduais e municipais do três poderes, além de congregar e incentivar o fortalecimento dessas ações, é sistematizar em eixos aquilo que é fundamental para um projeto de sustentabilidade.

Concebido em 1999 e criado oficialmente em 2001, atualmente os eixos temáticos são: Uso dos recursos naturais; Qualidade de vida no ambiente de trabalho; Sensibilização dos servidores para a sustentabilidade; Compras sustentáveis; Construções sustentáveis; e Gestão de resíduos sólidos.

Com informações do portal da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P)

Serviço

UFCA Sustentável
(88) 3221.9352
sustentabilidade.proplan@ufca.edu.br
www.ufca.edu.br/ufca-sustentavel