Universidades cearenses oferecem apoio irrestrito para Campanha Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19

Atualizado em 20/01/2021 às 14h41

Campus Juazeiro do Norte da UFCA - imagem aérea

O Conselho de Reitores das Universidades Cearenses (Cruc) publicou nota nesta segunda-feira, 18 de janeiro de 2021, oferecendo apoio, em diversas frentes, para viabilizar e potencializar a campanha estadual de operacionalização da vacinação contra a Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2). Compõem o Cruc, além da Universidade Federal do Cariri (UFCA), a Universidade Federal do Ceará (UFC), a Universidade Estadual do Ceará (Uece), a Universidade Regional do Cariri (Urca), o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), a Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) e a Universidade de Fortaleza (Unifor).

No texto, os reitores das instituições destacaram que a vacinação é um dever de segurança sanitária coletiva e que, pelo fato de a campanha estar planejada em etapas, é preciso continuar seguindo os protocolos sanitários recomendados, como lavagem constante das mãos, uso de máscara e de álcool em gel e distanciamento social: “Para viabilizar a Campanha Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, as instituições associadas ao Cruc, como já manifestado institucionalmente em oportunidades anteriores, reiteram sua total disponibilidade, colocando à nução das equipes de saúde estaduais e municipais, por exemplo, seus equipamentos de refrigeração de alta capacidade, suas equipes voluntárias de saúde e suas estruturas físicas (para montagem de salas de vacinação dentro das normas adequadas e atendendo às determinações de segurança sanitária vigentes)”, diz a nota.

Leia a nota do Conselho de Reitores, na íntegra:

Após o parecer favorável da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ao uso emergencial das vacinas CoronaVac (Sinovac – Instituto Butantã) e ChAdOx1 (AztraZeneca – Fiocruz), as Instituições de Ensino Superior associadas ao Conselho de Reitores das Universidades Cearenses (Cruc), pautadas no clima colaborativo de envolvimento amplo em prol da vacinação contra a Covid-19, manifestam seu irrestrito apoio à Campanha Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a enfermidade causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2), reforçando a postura de que a vacinação é um dever de segurança sanitária coletiva.

Pesquisas, ações de extensão, formação de quadros e serviços desenvolvidos nas dependências destas instituições colocados à serviço dos órgãos de saúde foram fundamentais nas ações de combate à Covid-19 no Estado do Ceará – que vêm sendo exemplo para todo o Brasil. Testemunhadas pela população cearense (seja por meio da imprensa ou pelo benefício direto das ações de enfrentamento desenvolvidas), as instituições associadas ao CRUC – Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade Estadual do Ceará (Uece), Universidade Regional do Cariri (Urca), Universidade Vale do Acaraú (UVA), Universidade Federal do Cariri (UFCA), Universidade da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) e Universidade de Fortaleza (Unifor) – vêm auxiliando as autoridades sanitárias no enfrentamento da pandemia desde a sua declaração, pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em 12 de março de 2020, desenvolvendo um conjunto diverso de ações de combate que colocam à disposição da comunidade estadual pessoal qualificado, equipamentos, capacidade de trabalho e, principalmente, o rico conhecimento científico produzido nessas entidades.

Para viabilizar a Campanha Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, as instituições associadas ao Cruc, como já manifestado institucionalmente em oportunidades anteriores, reiteram sua total disponibilidade, colocando à nução das equipes de saúde estaduais e municipais, por exemplo, seus equipamentos de refrigeração de alta capacidade, suas equipes voluntárias de saúde e suas estruturas físicas (para montagem de salas de vacinação dentro das normas adequadas e atendendo às determinações de segurança sanitária vigentes).

Cônscios de que a vacinação se dará por etapas, por ordem de prioridade a grupos de riscos e a profissionais de saúde, os dirigentes das Universidade reforçam a necessidade de manutenção dos cuidados já recomendados pelas autoridades sanitárias, como forma de redução de riscos à propagação do vírus neste momento crucial da estratégia de combate à pandemia. Assim, as instituições associadas ao Cruc manifestam à população cearense a necessidade de manter a adoção de medidas individuais de segurança (como lavagem constante das mãos, uso de máscara e de álcool em gel e distanciamento social).

O início da vacinação no Brasil, alinhando-se a outras nações do mundo, concretiza a apropriação mais plena da ciência em defesa da vida, a partir do desenvolvimento de pesquisas em universidades e em outras instituições públicas de pesquisa. Neste sentido, UFC, Uece, Urca, UVA, UFCA, Unilab, IFCE E Unifor fortalecem-se como patrimônios do povo cearense na promoção da vida e do desenvolvimento.

Fortaleza – Ceará, 18 de janeiro de 2021.

Prof. Francisco do O’ de Lima Júnior
Presidente do CRUC, Reitor da Universidade Regional do Cariri (Urca)

Prof. José Cândido Lustosa Bittencourt de Albuquerque
Reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC)

Prof. Hidelbrando dos Santos Soares
Reitor da Universidade Estadual do Ceará (Uece)

Prof. Fabianno Cavalcante de Carvalho
Reitor da Universidade Estadual do Vale do Acaraú (UVA)

Prof. Ricardo Luiz Lange Ness
Reitor da Universidade Federal do Cariri (UFCA)

Prof. Roque do Nascimento Albuquerque
Reitor da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab)

Prof. Virgílio Augusto Sales Araripe
Reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE)

Profa. Fátima Maria Fernandes Veras
Reitora da Universidade de Fortaleza (Unifor)