UFCA mantém seu IGC na faixa 4. Nível do indicador, que avalia Ensino Superior nacional, varia de 1 a 5

Atualizado em 02/05/2021 às 15h50

Campus Juazeiro do Norte da UFCA em dezembro de 2020. Foto: Danielle Feitosa - Dcom/UFCA

A Universidade Federal do Cariri (UFCA) manteve o indicador de qualidade que avalia as Instituições de Ensino Superior (IES) brasileiras, na faixa 4, considerado bom. O Índice Geral de Cursos (IGC) de 2019 (Link para uma nova página), divulgado no último dia 23 de abril, pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), calculou os resultados para 2.070 instituições (públicas e privadas), considerando 24.145 cursos avaliados entre 2017 e 2019.  

Das 106 instituições de educação superior públicas federais, grupo em que está a UFCA, 71% atingiram os conceitos 4 e 5, níveis mais altos. O indicador varia de 1 (insuficiente) a 5 (muito bom) e leva em conta a média do Conceito Preliminar de Curso (CPC), considerando o último ciclo do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) como referência; a média dos conceitos de avaliação de todo os programas de pós-graduação stricto sensu, atribuídos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) na última avaliação trienal; e a distribuição dos estudantes entre as diferentes etapas de ensino superior.

A nota mantida pela UFCA, instituição com sete anos de existência e que na avaliação divulgada ano passado havia saltado de 3 para 4, evidencia a excelência dos cursos de graduação e pós-graduação ofertados pela instituição. De acordo com a procuradora educacional institucional da UFCA, professora Caroline Gonçalves, a universidade conseguiu manter o índice por investir em melhorias na política acadêmica e de gestão, na infraestrutura e na capacitação dos docentes e servidores técnico-administrativos. “Podemos concluir que a instituição está caminhando para sua consolidação”, ressaltou a professora. No Ceará, das 54 instituições tiveram o ICG calculado, 18 estão na faixa 4 e somente uma na faixa 5 (uma faculdade particular).

Importância do índice

Como indicador de qualidade, o IGC integra o conjunto de procedimentos e instrumentos diversificados que avalia as instituições de ensino, de acordo com o que prevê a Lei do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). O índice tem relação direta com o ciclo avaliativo do Enade, que mensura, entre outros aspectos, o rendimento dos concluintes dos cursos de graduação. Para ter o IGC calculado, a instituição deve possuir, no mínimo, uma graduação com CPC atribuído no triênio de referência do Enade. Em 2019, o exame avaliou cursos de 29 áreas de conhecimento. No caso da UFCA, foram avaliados os cursos de Agronomia, Engenharia Civil, Engenharia de Materiais e Medicina.

De acordo com o Inep, iniciativas e políticas do Governo Federal, como a Universidade Aberta do Brasil (UAB), o Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica (Parfor) e o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid), utilizam o conceito do IGC como requisito, critério seletivo ou de distinção. O indicador também é parâmetro para a distribuição de orçamento à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (EPCT) e serve como referencial nos processos de supervisão e regulação da educação superior, além de orientar a autoavaliação das instituições de ensino.

Conforme Caroline Gonçalves, a nota do IGC afeta positivamente toda a política acadêmica da UFCA, possibilitando, por exemplo, a criação de cursos presenciais de graduação e pós-graduação, sem a necessidade de autorização da Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres/MEC), ampliando a autonomia); a inserção no Ensino a Distância; e a existência dos programas de bolsas de Pesquisa, Extensão, Cultura e Ensino.

Para mais informações sobre dados relativos ao Ensino Superior, acesse os indicadores de qualidade da educação superior (Link para uma nova página).

Com informações do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)

Serviço

Pró-Reitoria de Graduação (Prograd/UFCA)
prograd@ufca.edu.br