UFCA entrega mais de 10 mil protetores faciais para municípios cearenses e estados vizinhos

Atualizado em 14/05/2020 às 16h28

Foto: Kamille Peixoto/UFCA

A ação de doação de protetores faciais pela Universidade Federal do Cariri (UFCA), durante a pandemia do novo coronavírus, já alcançou 10.379 mil profissionais de municípios cearenses e estados vizinhos que precisam se proteger para continuar atuando presencialmente nesse período. Conhecidas como face shields, as máscaras de proteção facial são equipamentos utilizados por pessoas que desempenham atividades expostas a aerossóis ou gotículas. 

A produção e a doação dos equipamentos, iniciadas em abril, estão ocorrendo a partir da  iniciativa e participação de professores e de técnicos dos cursos de Engenharia de Materiais, de Design, de Ciência da Computação e também dos Laboratórios de Calçados e Polímeros, com apoio e acompanhamento da Reitoria e do Comitê Interno de Enfrentamento à Covid-19 (Cieco-19/UFCA). 

A equipe atendeu demandas de Altaneira, Aurora, Barro, Brejo Santo, Caririaçu, Jati, Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Fortaleza, Porteiras, Várzea Alegre, Icó, Missão Velha, Jaguaretama, Solonópole, Irapuan Pinheiro, Morada Nova, Iguatu, Orós, Piquet Carneiro, além de enviar máscaras também para municípios da Paraíba e do Piauí.    

Nos próximos dias, serão entregues máscaras para Antonina do Norte (200), Farias Brito (30), Petrolina-PE (200), Juazeiro do Norte (100), Iguatu (130), Fortim (50) e Milhã (65). De acordo com o professor da UFCA André Wesley, um dos organizadores da ação, esses protetores faciais já estão prontos, aguardando somente a entrega aos municípios. 

Máscara face shield em cima de uma mesa branca
Foto: Kamille Peixoto

Doações

O professor André Wesley explicou que a doação de máscaras tem ocorrido, a partir da demanda dos municípios. “O Gabinete [da Reitoria] recebe as demandas via ofício, encaminha pra nós [equipe que atua na produção] e marca o dia da entrega”, disse. No ofício, é necessário constar a quantidade e a necessidade. A Universidade sugere contrapartida em materiais, caso o demandante tenha condições de oferecer para contribuir com a confecção de mais máscaras.

Produção

Atualmente, estão sendo produzidas cerca de 1000 máscaras diariamente pela UFCA. Para permanecer com o trabalho, além de toda a mobilização de servidores e estudantes da UFCA, a produção conta com o apoio de doações de matéria-prima e de suporte técnico dos parceiros (pessoas físicas, órgãos governamentais e empresas da região do Cariri).

Entre esses parceiros, é possível destacar, entre outros, a Prefeitura de Juazeiro do Norte; a fabricante de produtos farmacêuticos Farmace, em Barbalha; o Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais do Estado do Ceará (Sintufce); a indústria de calçados PVC (que cedeu o molde dos suportes das máscaras); e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai – Juazeiro do Norte), que disponibilizou um equipamento chamado balancim para fazer o corte do acetato (estrutura do protetor que cobre o rosto) de forma mais ágil, ampliando a capacidade de produção da Universidade.

Serviço

Comitê Interno de Enfrentamento à Covid-19
cieco19@ufca.edu.br