Início do Conteúdo

Mostra UFCA integra comunidade acadêmica e exibe resultados da instituição

Quarta, 29 Outubro 2014 10:32

Na tarde de terça, 28, a Mostra UFCA deu início aos trabalhos oficiais com a solenidade de abertura realizada no auditório do campus, em Juazeiro do Norte. O vice-reitor, Ricardo Luiz Lange Ness, acompanhado pelos pró-reitores de extensão, ensino, cultura, pesquisa e inovação, receberam a comunidade acadêmica para celebrar os quatro dias de programação do maior evento da UFCA em 2014.

O vice-reitor afirmou que a Mostra UFCA é um marco dentro da história da universidade. Citou a sua importância e a diversidade da programação contemplando as diversas áreas – ensino, pesquisa, extensão e cultura, fator que revela para a comunidade interna e externa o trabalho que vem sendo desenvolvido pela instituição.

A mobilização e integração deram o tom nos discursos dos presentes, a exemplo do pró-reitor de cultura, Ivânio Azevedo, ao ressaltar o vínculo de proximidade entre servidores e corpo docente durante o período de organização do evento: “Além de mostrar resultados, interferir na vida das pessoas, a Mostra também tem o desafio de criar afetos. Apostamos em um tipo de experiência com apenas um ano de existência e estamos oferecendo o evento desse porte para a comunidade, que é nossa marca registrada”, ressalta.

A Diretora de Assistência Estudantil da UFCA, Claudia Araújo Marco, também comentou sobre as marcas positivas do evento, ao considerar que "a Mostra, além da integração dos cursos, dos contextos de pesquisa, é a integração com a sociedade, é demonstrar que nossas ações beneficiam a sociedade. Estamos fazendo a diferença com a nossa interiorização".

A abertura ocorreu em meio a sons brasileiros, com o grupo KaririSax, quinteto criado em 2012 como projeto de extensão do curso de música da UFCA. A apresentação valorizou composições regionais, a exemplo do pot porri em “Meio dia de encontros", de Luiz Fidélis, e arranjos de Bonifácio Salvador em "Terra dos Cariris". Em nível nacional, também foram prestigiados o cantor Djavan e o arranjador Hudson Nogueira, ocasião em que KaririSax apresentou "Samurai" e "Quatro Danças Brasileiras", respectivamente.

Das teias musicais, a Mostra seguiu com as redes complexas. O professor José Soares Andrade Júnior foi o conferencista que tratou sobre "Sistemas Complexos: aplicações em política, sociologia e ciências cognitivas”. O pesquisador demonstrou que, a partir da Física, é possível mensurar desde índices de criminalidade a preço de voto nas cidades contemporâneas.

Lido 1865 vezes