Início do Conteúdo
Segunda, 25 Julho 2016 11:34

PDI UFCA 2020

Documento Final do PDI UFCA 2020


O Documento Final do  Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade Federal do Cariri (PDI UFCA 2020) foi aprovado em 06 de julho de 2017 , durante a 28ª reunião extraordinária do Conselho Superior Pro Tempore da UFCA. O documento, elaborado colaborativamente com todos os setores, sob a coordenação da Pró-reitoria de Planejamento e Orçamento (PROPLAN), traça as ações da UFCA de 2016 a 2020.

Acesse aqui o documento:  PDI UFCA 2020 - Documento Final 

 

Documento Base do PDI UFCA 2020


Documento Base do PDI UFCA 2020 é a versão resultante do processo de elaboração colaborativa coordenado pela Proplan/CPGE e desenvolvido com a contribuição ativa dos setores e unidades da UFCA, de acordo com a Matriz de Responsabilidades e com o Plano de Trabalho propostos, visando a construção do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Universidade Federal do Cariri para o período de 2016 a 2020.

 

Consulta Pública


O Documento Base do PDI esteve disponível para consulta pública e participação da comunidade por meio de um formulário eletrônico disponível durante o período de 20 de Julho a 08 de Agosto de 2016.

A Consulta Pública teve como objetivo apresentar e consultar a comunidade sobre a proposta de Documento Base do PDI da UFCA 2020 , elaborada coletivamente pela gestão, corpo técnico e docentes da UFCA. 

As dúvidas, comentários e sugestões para o texto do Documento Base foram feitas por qualquer membro da comunidade acadêmica ou sociedade em geral previamente identificadoCada participação foi feita por meio de Consultas ou Emendas que devem referenciar um determinado conteúdo (texto, gráfico, figura etc) de um item estrutural do documento (capítulo, sub-capítulo, tópico ou parágrafo):

  • Consultas:  Enviar dúvidas e comentários sobre determinado conteúdo, sem a necessidade de proposição de um novo texto;
  • Emendas Substitutivas: Substituir por inteiro ou modificar parcialmente determinado conteúdo de um item estrutural do documento;
  • Emendas Aditivas: Incluir determinado conteúdo em um item estrutural do documento;

Após o período da Consulta Pública, os comentários e sugestões foram consolidados, analisados e incorporados à versão Preliminar do PDI, a qual será submetida à apreciação do Consup.

Sobre a análise e incorporação das emendas:

  • - Todas as contribuições recebidas na forma de emendas foram consolidadas por capítulo e tópico, e analisadas quanto à: 

i) Compatibilidade com outros conteúdos do PDI , com o Estatuto da UFCA e com outras normas internas e legislação vigentes;  

ii) Alinhamento com instrumentos nacionais de planejamentos como o o Plano Nacional de Educação (PNE), o Plano Pluri-Anual (PPA) e a Lei Orçamentária Anual(LOA) e;

iii) Exequibilidade financeira de acordo com as previsões orçamentárias dos próximos anos; 

Segunda, 25 Julho 2016 10:27

Anexos e Referências do PDI UFCA 2020

Repositório de Anexos e Referências do PDI UFCA 2020


Relação e links de acesso aos anexos e às referências bibliográficas e documentais citadas no documento do PDI UFCA 2020:

Documentos Anexos 

Referências Documentais e Bibliográficas do PDI 

 

  • ESTATUTO E REGIMENTOS DA UFCA

01. Estatuto da UFCA (Documento em fase de apreciação pelo CONSUP);

02. Regimento de Graduação da UFCA (Documento em fase de discussões em audiências públicas); 

 

  • OUTRAS REFERÊNCIAS DOCUMENTAIS INTERNAS
    • UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ (UFC). Conselho Universitário (CONSUNI). Resoluções UFC/CONSUNI Nos 03, 04, 05, 06e 07 de 17 de fevereiro de 2006: Aprovam criação dos Cursos de Graduação em Biblioteconomia, Filosofia (Licenciatura e Bacharelado), Administração, Agronomia e Engenharia Civil no Campus da UFC no Cariri. Fortaleza-CE, 2006;
    • UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (UFCA). Conselho Superior Pró-tempore (CONSUP). Resoluções UFCA/CONSUP N° 12A e 12B de 14 de novembro de 2013 - Aprova a criação dos cursos Interdisciplinar em Ciências Naturais e Matemática e de HistóriaJuazeiro do Norte–CE, 2014;
    • UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (UFCA). Conselho Superior Pró-tempore (CONSUP). Resolução UFCA/CONSUP N° XX de XX de xXXXXX de 2016 – Aprova o Estatuto da UFCA. Juazeiro do Norte–CE, 2016;
    • UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (UFCA). Conselho Superior Pró-tempore (CONSUP). Resolução UFCA/CONSUP N° XX de XX de xXXXXX de 2016 – Aprova o Regimento Geral da Graduação. Juazeiro do Norte–CE, 2016;

 

 

    • BRASIL. Câmara dos Deputados. Projeto de Lei N° 2.208/2011 - Inteiro Teor: Justificativas e Pareceres das Comissões - Dispõe sobre a criação da Universidade Federal do Cariri - UFCA, por desmembramento da Universidade Federal do Ceará - UFC, e dá outras providências. Brasília-DF, 2011 a 2013;

    • BRASIL. Ministério da Educação (MEC). Secretaria de Educação Superior (SESu). A democratização e expansão da educação superior no país de 2003 – 2014. Brasília-DF, 2014;
    • BRASIL. Ministério da Educação (MEC). Secretaria de Educação Superior (SESu); FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE EXTENSÃO DAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS BRASILEIRAS. Extensão Universitária: organização e sistematização. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). PROEX. COOPMED Editora. Belo Horizonte-MG, 2007;
    • BRASIL. Ministério da Educação (MEC). Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM). Pareceres MEC/SisCNRM Nº 883/2014 de 12 de dezembro de 2013, Nº 904/2014 de 12 de dezembro de 2013, Nº 242/2016 de 17 de dezembro de 2015, Nº 264/2016 de 21 de janeiro de 2016 e Nº 334/2016 de 17 de dezembro de 2015. Aprovam os Programas de Residência Médica em Cirurgia Geral, Clínica Médica, Ginecologia e Obstetrícia, Medicina de Família e Comunidade e Patologia da Universidade Federal do Cariri (UFCA).Sistema da Comissão Nacional de Residência Médica (SisCNRM). Brasília-DF;
    • DAGNINO, R. Como é a universidade de que o Brasil precisa? Revista Avaliação v. 20, n. 2, p. 293-333. Campinas; Sorocaba-SP, 2015;
    • FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE EXTENSÃO DAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS BRASILEIRAS (FORPROEX). Plano Nacional de Extensão Universitária; In: Coleção Extensão Universitária, v.1: Editus. Ilhéus-BA, 2001;
    • FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE EXTENSÃO DAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS BRASILEIRAS. Política Nacional de Extensão Universitária. Manaus-AM, 2012;
    • INTERNATIONAL FEDERATION OF ACCOUNTANTS (IFAC). Governance in the Public Sector: A Governing Body Perspective. 2001;
    • JOHNSON, D. W.; JOHNSON, R. T. Cooperative learning. Blackwell Publishing Ltd, 2008;
    • KAPLAN, R. S.; NORTON, D. P. The Balanced Scorecard: measures that drive performanceHarvard Business Review, 1992;
    • KNIGHT, J. Internationalization Remodeled: Definition, Approaches, and Rationales. In: Journal of Studies in International Education, v.8, nº 1, 2004.
    • NIVEN, P. R. Balanced Scorecard: step by step for government and nonprofit agencies. 2ª ed. Hoboken: John Wiley & Sons Inc., 2008;
    • UNITED NATIONS EDUCATIONAL, SCIENTIFIC AND CULTURAL ORGANIZATION (UNESCO). Higher education in a globalized society. Paris, 2004;
    • UNITED NATIONS EDUCATIONAL, SCIENTIFIC AND CULTURAL ORGANIZATION (UNESCO)INTERNATIONAL ASSOCIATION OF UNIVERSITIES (IAU)Internacionalização da educação superior: tendências e desenvolvimentos desde 1998. In: Educação Superior: Reformas, Mudanças e Internacionalização. Brasília-DF, 2003; 

A partir desta quarta-feira, 30, a Pró-reitoria de Planejamento (PROPLAN) dá início à realização das edições do Seminário “Ideias Acadêmicas”. Estudantes, servidores técnico-administrativos e docentes das unidades acadêmicas dos cinco campi são convidados para conhecer e contribuir com o Planejamento Estratégico Institucional (PEI) da Universidade Federal do Cariri (UFCA).

Publicado em Notícias da UFCA
Sexta, 29 Janeiro 2016 13:52

Painel de Indicadores Estratégicos

O Painel de Indicadores Estratégicos é um modelo para monitoramento e avaliação focado em resultados que define um mecanismo de medição e avaliação do desempenho institucional no cumprimento da sua missão por meio da realização dos seus objetivos estratégicos. O Painel Estratégico da UFCA foi inicialmente definido e aprovado em maio de 2015 pela Equipe de Desenvolvimento do PEI. Durante a atividade, foram pré-selecionadas 45 propostas de indicadores considerados os mais significativos e apropriados para a tomada de decisões, bem como mais pertinentes para o momento atual de implantação da Universidade. A partir de uma análise posterior e mais detalhada de viabilidade e disponibilidade dos dados e informações necessárias para o cálculo dos indicadores, foram elaborados planos de trabalho para coleta de dados considerados disponíveis a curto prazo. 

 Indicadores Estratégicos


Atualmente o Painel de Indicadores Estratégicos da UFCA conta com 38 indicadores completamente definidos e documentados, agrupados de acordo com as perspectivas da metodologia BSC: Processos Internos, Pessoas e Tecnologias, Sociedade e Orçamento, e apresentados a seguir de acordo com os objetivos estratégicos aos quais estão mais diretamente relacionados:

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-1) : CONTRIBUIÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SOCIOECONÔMICO E A DINÂMICA CULTURAL

ÍNDICES DE DESEMPENHO ACADÊMICOS DA GRADUAÇÃO

MÉDIA (TAXA DE SUCESSO NA GRADUAÇÃO + TAXA DE OCUPAÇÃO - TAXA DE RETENÇÃO - TAXA DE EVASÃO) + 2 / 4

NÚMERO DE EGRESSOS DA PÓS-GRADUAÇÃO

SOMATÓRIO DOS ALUNOS EGRESSOS NA PÓS-GRADUAÇÃO - (MEDIR O INDICADOR CONSIDERANDO TODOS OS TIPOS DE PÓS-GRADUAÇÃO) 

PÚBLICO EXTERNO IMPACTADO PELAS AÇÕES DA UNIVERSIDADE

SOMATÓRIO DO PÚBLICO EXTERNO IMPACTADO DIRETA NAS AÇÕES EXECUTADAS DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA 

ÍNDICE DE PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE

SOMATÓRIO (PUBLICAÇÕES X FATOR DE IMPACTO ÍNDICE QUALIS) ** A DEFINIR

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-2): FORMAÇÃO DE PESSOAS CAPAZES DE PARTICIPAR EM AÇÕES TRANSFORMADORAS DA SOCIEDADE

NÚMERO DE REGISTROS DE LICENCIAMENTOS E PATENTES

SOMATÓRIO DO NÚMERO DE REGISTROS DE LICENCIAMENTOS E PATENTES 

PROPORÇÃO DE ESTUDANTES TITULADOS NA UFCA QUE ATUAM EM ÁREAS CORRELACIONADAS COM A FORMAÇÃO SUPERIOR

(NÚMERO DE ESTUDANTES TITULADOS QUE ATUAM EM ÁREAS CORRELACIONADAS COM A FORMAÇÃO SUPERIOR / NÚMERO TOTAL DE ESTUDANTES TITULADOS NA UFCA) X 100

 [** 2 ANOS] 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-3): INTENSIFICAR E INTEGRAR AS ATIVIDADES DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA

PROPORÇÃO DE ESTUDANTES QUE PARTICIPAM OFICIALMENTE DE PROJETOS

(Nº DE ALUNOS DE GRADUAÇÃO QUE PARTICIPAM DE PROJETOS DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA / TOTAL DE ALUNOS DA GRADUAÇÃO) X 100 

PROPORÇÃO DE ALUNOS COM BOLSAS DE PROGRAMAS ACADÊMICOS (PESQUISA, EXTENSÃO, CULTURA E ENSINO)

(NÚMERO DE ALUNOS COM BOLSAS DOS PROGRAMAS / NÚMERO DE ALUNOS DA GRADUAÇÃO) X 100 [** GERAL E POR CURSO] 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-4): ALINHAR, CONSOLIDAR E CRIAR CURSOS EM CONSONÂNCIA COM A ESTRATÉGIA

CAPACIDADE DE ATENDIMENTO DISCENTE

SOMATÓRIO DE (NÚMERO DE VAGAS X DURAÇÃO MÍNIMA DO CURSO) PARA TODOS OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTU SENSU 

MÉDIA DAS NOTAS DA CAPES

MÉDIA DA NOTA DE AVALIAÇÃO DA CAPES DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTU SENSU 

ÍNDICE GERAL DE CURSOS (IGC)

I = ΑG + {(1 – Α) Β ÷ 2} (M + 5) + {1 – Α)(1 – Β) ÷ 3} (D + 10)

*CONSIDERAR O VALOR CONTÍNUO 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-5)PROMOVER METODOLOGIAS EDUCACIONAIS ADEQUADAS

NÚMERO MÉDIO DE ESTRATÉGIAS DIDÁTICAS DESCRITAS NOS PROJETOS DOS CURSOS

(SOMA DAS QUANTIDADES DE ESTRATÉGIAS DIDÁTICAS PREVISTAS NOS CURSOS DA UNIVERSIDADE / TOTAL DE CURSOS) 

TAXA DE EFICIÊNCIA ACADÊMICA

MÉDIA ARITMÉTICA DOS CRITÉRIOS:

CRITÉRIO 1: IRA (POR CURSO - CONVERTIDO PARA 100%);
CRITÉRIO 2: TAXA DE APROVAÇÃO (TODAS AS DISCIPLINAS) 

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-6): IMPLANTAR E INTEGRAR SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CORPORATIVOS

TAXA DE IMPLEMENTAÇÃO DAS AÇÕES DO PDTI - INFORMAÇÃO/SISTEMAS

(NÚMERO DE AÇÕES DO PDTI IMPLEMENTADAS (INFORMAÇÃO/SISTEMAS) /NÚMERO DE AÇÕES DO PDTI PREVISTAS (INFORMAÇÃO/SISTEMAS)) X 100

ÍNDICE DE INFORMATIZAÇÃO / DESENVOLVIMENTO DE PROCESSOS

MÉDIA PONDERADA DOS CRITÉRIOS:

- CRITÉRIO 1: (50%) SIST. ACADÊMICOS;

- CRITÉRIO 2: (20%) SIST. GESTÃO DE PESSOAS;

-CRITÉRIO 3: (30%) SIST. ADMINISTRATIVOS;


- CRITÉRIO A: (50%) SISTEMA ACADÊMICO (GRADUAÇÃO, PÓS-GRADUAÇÃO, BIBLIOTECA, EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA, EVENTOS, AÇÕES ACADÊMICAS, EXTENSÃO, PESQUISA, AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL, PRODUÇÃO ACADÊMICA, OUTROS).

- CRITÉRIO B: (20%) SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS (CADASTRO, FÉRIAS, AVALIAÇÃO, CONCURSOS, FREQUÊNCIA, OUTROS).
- CRITÉRIO C: (30%) SISTEMA ADMINISTRATIVO (PROTOCOLO, ALMOXARIFADO, PATRIMÔNIO, OUVIDORIA, ORÇAMENTO, CONTRATOS, COMPRAS, OUTROS).

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-7)INTEGRAR A UNIVERSIDADE COM A COMUNIDADE E PROMOVER A INTERNACIONALIZAÇÃO

NÚMERO DE INSTRUMENTOS DE PARCERIA ESTABELECIDOS

 NÚMERO ABSOLUTO DE INSTRUMENTOS DE PARCERIA ESTABELECIDOS  

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-8)AMPLIAR E APERFEIÇOAR OS CANAIS DE COMUNICAÇÃO INTERNA E EXTERNA

ÍNDICE DE ESTRUTURAÇÃO DA COMUNICAÇÃO

MÉDIA ARITMÉTICA DAS NOTAS ATRIBUÍDAS À ESTRUTURA DE COMUNICAÇÃO EXISTENTE NA UFCA PARA OS CRITÉRIOS ABAIXO:

- CRITÉRIO 1 – ORÇAMENTO ESPECÍFICO PARA A COMUNICAÇÃO;

- CRITÉRIO 2 – PESSOAL COM FORMAÇÃO EM COMUNICAÇÃO SOCIAL;

- CRITÉRIO 3 – EQUIPAMENTOS E SOFTWARES ESPECÍFICOS PARA COMUNICAÇÃO;

- CRITÉRIO 4 – POLÍTICA / PLANO DE COMUNICAÇÃO;

- CRITÉRIO 5 – MENSURAÇÃO DAS INSERÇÕES DA UFCA NA MÍDIA.

FAIXA DE AVALIAÇÃO:

- NOTA 0 – NÃO EXISTE;

- NOTA 1 – EXISTE, MAS COM RECURSOS (PESSOAS, EQUIPAMENTOS, MATÉRIA PRIMA, ETC.) INSUFICIENTES;

- NOTA 3 – EXISTE, COM OS RECURSOS (PESSOAS, EQUIPAMENTOS, MATÉRIA PRIMA, ETC.) ADEQUADOS.  

ÍNDICE DE INICIATIVAS DE COMUNICAÇÃO

PONTUAÇÃO DOS CRITÉRIOS: 1-NOTÍCIAS PORTAL; 2-INSERÇÕES REDES SOCIAIS; 3-CAMPANHAS; 4-JORNAIS; 5-EVENTOS ACOMP.; 6-EVENTOS REAL.; 7-PEÇAS CRIADAS; 8-PEÇAS ANALISADAS.

PONTUAÇÃO OBTIDA ATRAVÉS DOS SEGUINTES CRITÉRIOS:

- CRITÉRIO 1 - NÚMERO DE NOTÍCIAS PRODUZIDAS E VEICULADAS NO SITE

 - CRITÉRIO 2 - NÚMERO DE INSERÇÕES EM REDES SOCIAIS

- CRITÉRIO 3 - NÚMERO DE CAMPANHAS DE COMUNICAÇÃO

- CRITÉRIO 4 - NÚMERO DE JORNAIS PRODUZIDOS

-CRITÉRIO 5 - NÚMERO DE EVENTOS ACOMPANHADOS

-CRITÉRIO 6 - NÚMERO DE EVENTOS REALIZADOS INTERNAMENTE

 -CRITÉRIO 7 - NÚMERO DE PEÇAS CRIADAS

-CRITÉRIO 8 - NÚMERO DE PEÇAS ANALISADAS

 

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-9)DESENVOLVER MODELO DE GOVERNANÇA COM FOCO NA GESTÃO PARTICIPATIVA

IBPG ÍNDICE DE IMPLANTAÇÃO DE BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA

 TAXA (%) DE IMPLANTAÇÃO DE BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA = [TOTAL (SOMATÓRIA) DE PONTOS obtidos / TOTAL (SOMATÓRIA) DE PONTOS possíveis] * 100

 

CRITÉRIO 1 = Compromisso forte com integridade, valores éticos e cumprimento das Leis

CRITÉRIO 2 = Engajamento aberto e abrangente com as partes interessadas (usuários e cidadãos) nos serviços prestados

CRITÉRIO 4 = Implantação das boas práticas de transparência 

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-10)PROMOVER A OTIMIZAÇÃO DOS PROCESSOS DE TRABALHO

ÍNDICE DE GESTÃO DOS PROCESSOS DE TRABALHO

 MÉDIA ARITMÉTICA DAS NOTAS ATRIBUÍDAS AOS SEGUINTES CRITÉRIOS:

 

- CRITÉRIO 1: ESTRUTURAÇÃO ADMINISTRATIVA DO SETOR, FAIXA DE AVALIAÇÃO

- CRITÉRIO 2: ATENDIMENTO, COMUNICAÇÃO E TRANSPARÊNCIA

CRITÉRIO  3: INSTRUMENTOS DE PLANEJAMENTO, FAIXA DE AVALIAÇÃO:

- CRITÉRIO 4: INDICADORES, METAS E PROJETOS (ESTRATÉGICOS E GERENCIAIS/SETORIAIS) 

CRITÉRIO 5: DESCRIÇÃO DE PROCESSOS E DEFINIÇÃO DE FLUXOS, FAIXA DE AVALIAÇÃO:

> NOTA 0: NÃO TEM PROCESSOS DESCRITOS, NEM FLUXOS DEFINIDOS.

> NOTA 1: TEM PROCESSOS DESCRITOS E NÃO TEM FLUXOS DEFINIDOS.

> NOTA 2: TEM 1 PROCESSO DESCRITO E FLUXO DEFINIDO.

> NOTA 3: TEM 2 OU MAIS PROCESSOS DESCRITOS E SEUS FLUXOS DEFINIDOS. 

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-11)INTEGRAR AS AÇÕES DA GESTÃO ESTRATÉGICA

TAXA DE UNIDADES COM PLANOS SETORIAIS ALINHADOS À ESTRATÉGIA

(NÚMERO DE SETORES E UNIDADES ACADÊMICAS COM PLANOS SETORIAIS ALINHADOS À ESTRATÉGIA / NÚMERO TOTAL DE SETORES E UNIDADES ACADÊMICAS) X 100 

TAXA DE EXECUÇÃO DE PROJETOS ESTRATÉGICOS

(NÚMERO DE ENTREGAS DE PROJETOS ESTRATÉGICOS CONCLUÍDAS / TOTAL DE ENTREGAS DE PROJETOS ESTRATÉGICOS PLANEJADAS) X 100 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-12)ADEQUAR O QUADRO DE PESSOAL

IQCD (ÍNDICE DE QUALIFICAÇÃO DO CORPO DOCENTE)

 (5D+3M+2E+G / D+M+E+G ), ONDE:

- D = Nº DE PROFESSORES COM DOUTORADO;

- M = Nº DE PROFESSORES COM MESTRADO;

- E = Nº DE PROFESSORES COM ESPECIALIZAÇÃO;

- G = Nº DE PROFESSORES APENAS GRADUADOS. 

IQCTA (ÍNDICE DE QUALIFICAÇÃO DO CORPO TÉCNICO-ADMINISTRATIVO)

 (5D+3M+2E+1G+0,75EM+0,5EF/D+M+G+EM+EF), ONDE:

- D  = Nº DE TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS COM DOUTORADO;

- M = Nº DE TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS COM MESTRADO;

- E = Nº DE TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS COM ESPECIALIZAÇÃO;

- G = Nº DE TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS APENAS GRADUADOS;

- EM = Nº DE TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS APENAS COM ENSINO MÉDIO;

- EF = Nº DE TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS APENAS COM ENSINO FUNDAMENTAL; 

TAXA DE ADEQUAÇÃO DE PESSOAL DA ÁREA ADMINISTRATIVA

(TOTAL DOS PERCENTUAIS ALCANÇADOS EM CADA ÁREA ADMINISTRATIVA /TOTAL DE ÁREAS ADMINISTRATIVAS)X100 

ÍNDICE DE CARGA HORÁRIA POR UNIDADE CURRICULAR

(NÚMERO DE UNIDADES CURRICULARES COM PROFESSORES COM CARGA HORÁRIA ADEQUADA / NÚMERO TOTAL DE UNIDADES CURRICULARES) X 100 

DESVIO PADRÃO DA CARGA HORÁRIA POR PROFESSOR

DESVIO PADRÃO DA RAZÃO ENTRE A CARGA HORÁRIA EFETIVAMENTE CUMPRIDA EM SALA DE AULA PELO DOCENTE E A CARGA HORÁRIA MÍNIMA QUE DEVE SER CUMPRIDA PELO DOCENTE DE ACORDO COM RESOLUÇÃO DE CARGA HORÁRIA 

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-13)CAPACITAR POR COMPETÊNCIAS, COM FOCO EM RESULTADOS INSTITUCIONAIS

ÍNDICE DE REALIZAÇÃO DO PLANO ANUAL DE CAPACITAÇÃO

(VOLUME DE CAPACITAÇÕES REALIZADAS / VOLUME DE CAPACITAÇÕES PROPOSTAS) X 100 

ÍNDICE DE ADEQUAÇÃO DE COMPETÊNCIAS

(NÚMERO DE SERVIDORES NAS COMPETÊNCIAS ADEQUADAS / TOTAL DE SERVIDORES) X 100 

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-14)ATRAIR, VALORIZAR E ESTIMULAR A PERMANÊNCIA DE PESSOAS

ÍNDICE DE ROTATIVIDADE DE SERVIDORES

{ [ (INGRESSOS + DESLIGAMENTOS) /2 ] / (EFETIVO MÉDIO DO PERÍODO) } * 100

SENDO, EFETIVO MÉDIO DO PERÍODO = (EFETIVO NO INÍCIO DO PERÍODO + EFETIVO NO FINAL) / 2 

ÍNDICE DE CLIMA ORGANIZACIONAL

PESQUISA DE CLIMA ORGANIZACIONAL

** INCLUIR, ESPECIFICAMENTE, A AVALIAÇÃO DE PERCEPÇÃO SOBRE GESTÃO PARTICIPATIVA 

 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-15)REDIMENSIONAR E AMPLIAR A INFRAESTRUTURA FÍSICA E TECNOLÓGICA, COM FOCO NA SUSTENTABILIDADE

TAXA DE ADEQUAÇÃO DA INFRAESTRUTURA FÍSICA

MEDIA ARITMÉTICA DOS PERCENTUAIS ATRIBUÍDOS PARA OS SEGUINTES CRITÉRIOS:

CRITÉRIO 1: % LOCAIS COM ACESSIBILIDADE (avaliação por norma da ABNT);

CRITÉRIO 2: % LOCAIS COM SUSTENTABILIDADE (Projetos Estruturados);

CRITÉRIO 3: % LOCAIS COM SEGURANÇA CONTRA SINISTROS (CPPAT-avaliação por norma da ABNT);

CRITÉRIO 4:% LOCAIS COM MOBILIÁRIO ADEQUADO (avaliação pela ABNT, pesquisa de satisfação);

CRITÉRIO 5: % LOCAIS COM ESPAÇO FÍSICO ADEQUADO (avaliação pela ABNT, critérios INEP e pesquisa de satisfação); CRITÉRIO 6: LOCAIS COM INSTALAÇÕES DE REFRIGERAÇÃO, ELÉTRICAS E LÓGICAS E ADEQUADAS (avaliação pela ABNT). 

TAXA DE ESTRUTURA FÍSICA IMPLEMENTADA DA UFCA

PERCENTUAL= (Total de demandas executadas no período/Total de demandas planejadas no período)x100 

TAXA DE IMPLEMENTAÇÃO DAS AÇÕES DO PDTI - INFRAESTRUTURA/SERVIÇOS

(NÚMERO DE AÇÕES DO PDTI IMPLEMENTADAS (INFRAESTRUTURA/SERVIÇOS) / NÚMERO DE AÇÕES DO PDTI PREVISTAS (INFRAESTRUTURA/SERVIÇOS)) X 100 

ÍNDICE DA INFRAESTRUTURA TECNOLÓGICA

MÉDIA PONDERADA DOS CRITÉRIOS;

- CRITÉRIO 1: (10%) PORCENTAGEM DOS COMPUTADORES MODERNIZADOS (IGUAL OU INFERIOR A 3 ANOS)

- CRITÉRIO 2: (10%) PORCENTAGEM DOS SETORES ATENDIDOS POR IMPRESSORA EM REDE (DISTÂNCIA MÁXIMA PARA O USÁRIO DE 30M)

- CRITÉRIO 3: (15%) PORCENTAGEM DE ÁREA COBERTA POR INTERNET SEM FIO

- CRITÉRIO 4: (15%) RELAÇÃO ENTRE O NÚMERO DE COMPUTADORES E O NÚMERO DE SERVIDORES (DOCENTES E TÉCNICOS ADMNISTRATIVOS)

- CRITÉRIO 5: (10%) PERCENTUAL DE SETORES COM A QUANTIDADE DE TELEFONES ADEQUADA

- CRITÉRIO 6: (10%) TAXA DE CONEXÃO DE INTERNET / USUÁRIO

- CRITÉRIO 7: (10%) PERCENTUAL DE SALAS DE AULA COM SISTEMA DE MULTIMIDIA

- CRITÉRIO 8: (10%) PERCENTUAL DE CAMPI COM SALA DE VIDEO CONFERÊNCIA

- CRITÉRIO 9: (10%) PERCENTUAL DE LABORATÓRIOS DIDÁTICOS COM COMPUTADORES ADEQUADOS 

OBJETIVO ESTRATÉGICO (OE-16)BUSCAR E GERIR ADEQUADAMENTE OS RECURSOS NECESSÁRIOS PARA IMPLANTAÇÃO DA ESTRATÉGIA E EXPANSÃO DA UFCA

VARIAÇÃO DO VOLUME ORÇAMENTÁRIO

[(VOLUME ORÇAMENTÁRIO DO ANO ATUAL - VOLUME ORÇAMENTÁRIO DO ANO ANTERIOR) / VOLUME ORÇAMENTÁRIO DO ANO ANTERIOR] X 100 

TAXA DE EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

(VOLUME DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS EXECUTADOS / VOLUME TOTAL DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS) X 100 

TAXA DE RECURSOS ADICIONAIS

VOLUME DE RECURSOS CAPTADOS DE FORMA ADICIONAL - PROJETOS /  TOTAL  DO ORÇAMENTO APROVADO DA ENTIDADE + VALOR DOS RECURSOS CAPTADOS DE FORMA ADICIONAL X 100 

 

Metas Estratégicas


As metas são desenvolvidas a partir de uma linha de base existente, ou seja, um histórico com informações de desempenho dos anos anteriores. Para garantir o gerenciamento do indicador e o alcance do objetivo, são definidas metas que comunicam o nível de desempenho pretendido (valor) para um determinado período de tempo. Uma meta estratégica pressupõe comunicar um desafio futuro que promova um salto no desempenho de um indicador. Ou seja, as metas estratégicas não podem se limitar a representar no futuro, uma projeção incremental do desempenho histórico. No caso da UFCA, o Painel de Indicadores e Metas Estratégicas as metas foi estabelecido da seguinte forma:

 

PERSPECTIVA SOCIEDADE
OBJETIVO ESTRATÉGICO INDICADOR METAS ESTRATÉGICAS
2015 2016 2017 2018
CONTRIBUIÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SOCIOECONÔMICO E A DINÂMICA CULTURAL ÍNDICES DE DESEMPENHO ACADÊMICOS DA GRADUAÇÃO 0.71 0.73 0.75 0.77
NÚMERO DE EGRESSOS DA PÓS-GRADUAÇÃO 83 68 56 129
PÚBLICO EXTERNO IMPACTADO PELAS AÇÕES DA UNIVERSIDADE A DEFINIR
ÍNDICE DE PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE 48.00% 49.02% 50.00% 50.00%
FORMAÇÃO DE PESSOAS CAPAZES DE PARTICIPAR EM AÇÕES TRANSFORMADORAS DA SOCIEDADE NÚMERO DE REGISTROS DE LICENCIAMENTOS E PATENTES 0 0 2 4
PROPORÇÃO DE ESTUDANTES TITULADOS NA UFCA QUE ATUAM EM ÁREAS CORRELACIONADAS COM A FORMAÇÃO SUPERIOR 68.48% A DEFINIR

 

PERSPECTIVA PROCESSOS
OBJETIVO ESTRATÉGICO INDICADOR METAS ESTRATÉGICAS
2015 2016 2017 2018
INTENSIFICAR E INTEGRAR AS ATIVIDADES DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA PROPORÇÃO DE ESTUDANTES QUE PARTICIPAM OFICIALMENTE DE PROJETOS 27.14% 22.25% 22.24% 23.29%
PROPORÇÃO DE ALUNOS COM BOLSAS DE PROGRAMAS ACADÊMICOS 3.60% 2.48% 4.29% 5.00%
ALINHAR, CONSOLIDAR E CRIAR CURSOS EM CONSONÂNCIA COM A ESTRATÉGIA CAPACIDADE DE ATENDIMENTO DISCENTE 4390 4790 6490 6520
ÍNDICE DE QUALIFICAÇÃO CAPES - IQCAPES 4.00 3.75 3.80 3.57
ÍNDICE GERAL DE CURSOS (IGC) 2.56 2.76 2.90 3.01
PROMOVER METODOLOGIAS EDUCACIONAIS ADEQUADAS NÚMERO MÉDIO DE ESTRATÉGIAS DIDÁTICAS DESCRITAS NOS PROJETOS DOS CURSOS 1.79 A DEFINIR
EFICIÊNCIA ACADÊMICA CRITÉRIO 1 – IRA
CRITÉRIO 2 - TAXA DE APROVAÇÃO
72.52% A DEFINIR
IMPLANTAR E INTEGRAR SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CORPORATIVOS TAXA DE IMPLEMENTAÇÃO DAS AÇÕES DO PDTI - INFORMAÇÃO/SISTEMAS - 100.00% A DEFINIR
NÚMERO DE MACROPROCESSOS INFORMATIZADOS 9 19 A DEFINIR
INTEGRAR A UNIVERSIDADE COM A COMUNIDADE E PROMOVER A INTERNACIONALIZAÇÃO ÍNDICE DE INICIATIVAS DE INTERNACIONALIZAÇÃO - A DEFINIR
NÚMERO ABSOLUTO DE INSTRUMENTOS DE PARCERIA ESTABELECIDOS 60 A DEFINIR
AMPLIAR E APERFEIÇOAR OS CANAIS DE COMUNICAÇÃO INTERNA E EXTERNA ÍNDICE DE ESTRUTURAÇÃO DA COMUNICAÇÃO 0.80 1.80 3.00 3.00
ÍNDICE DE INICIATIVAS DE COMUNICAÇÃO 1477 4187 6945 6945
DESENVOLVER MODELO DE GOVERNANÇA COM FOCO NA GESTÃO PARTICIPATIVA ÍNDICE DE IMPLANTAÇÃO DE BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA 20.00 24.00 28.80 34.56
ÍNDICE DE GOVERNANÇA DE TI - A DEFINIR
PROMOVER A OTIMIZAÇÃO DOS PROCESSOS DE TRABALHO MELHORIA DOS PROCESSOS DE TRABALHO - A DEFINIR
INTEGRAR AS AÇÕES DA GESTÃO ESTRATÉGICA TAXA DE UNIDADES COM PLANOS SETORIAIS ALINHADOS À ESTRATÉGIA - A DEFINIR
TAXA DE EXECUÇÃO DE PROJETOS ESTRATÉGICOS - A DEFINIR


PERSPECTIVA PESSOAS E TECNOLOGIA
OBJETIVO ESTRATÉGICO INDICADOR METAS ESTRATÉGICAS
2015 2016 2017 2018
ADEQUAR O QUADRO DE PESSOAL IQCD (ÍNDICE DE QUALIFICAÇÃO DO CORPO DOCENTE) 3.57 3.80 4.00 4.20
IQCTA (ÍNDICE DE QUALIFICAÇÃO DO CORPO TÉCNICO-ADMINISTRATIVO) 1.25 2.00 2.30 2.50
TAXA DE ADEQUAÇÃO DE PESSOAL DA ÁREA ADMINISTRATIVA 10,00% 25,00% 50,00% 75,00%
ÍNDICE DE CARGA HORÁRIA POR UNIDADE CURRICULAR - A DEFINIR
DESVIO PADRÃO DA CARGA HORÁRIA POR PROFESSOR - A DEFINIR
CAPACITAR POR COMPETÊNCIAS, COM FOCO EM RESULTADOS INSTITUCIONAIS ÍNDICE DE ADEQUAÇÃO DE COMPETÊNCIAS 0,00% 15,00% 30,00% 45,00%
ÍNDICE DE REALIZAÇÃO DO PLANO ANUAL DE CAPACITAÇÃO 20,00% 40,00% 60,00% 70,00%
ATRAIR, VALORIZAR E ESTIMULAR A PERMANÊNCIA DE PESSOAS ÍNDICE DE CLIMA ORGANIZACIONAL - A DEFINIR
ÍNDICE DE ROTATIVIDADE DE SERVIDORES 4,00% 3,50% 3,00% 1,50%
REDIMENSIONAR E AMPLIAR A INFRAESTRUTURA FÍSICA E TECNOLÓGICA, COM FOCO NA SUSTENTABILIDADE INFRAESTRUTURA FÍSICA 40,08% 51,60% 64,10% 74,10%
TAXA DE ESTRUTURA IMPLEMENTADA DA UFCA - A DEFINIR
TAXA DE IMPLEMENTAÇÃO DAS AÇÕES DO PDTI - INFRAESTRUTURA/SERVIÇOS - A DEFINIR
ÍNDICE DA INFRAESTRUTURA TECNOLÓGICA - A DEFINIR

 

 

PERSPECTIVA ORÇAMENTO
OBJETIVO ESTRATÉGICO INDICADOR METAS ESTRATÉGICAS
2015 2016 2017 2018
BUSCAR E GERIR ADEQUADAMENTE OS RECURSOS NECESSÁRIOS PARA A IMPLANTAÇÃO DA ESTRATÉGIA E A EXPANSÃO DA UFCA VARIAÇÃO DO VOLUME ORÇAMENTÁRIO 15.00% 20.00% 30.00% 35.00%
TAXA DE EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA 95.00% 90.00% 90.00% 95.00%
TAXA DE RECURSOS ADICIONAIS A DEFINIR 

 

Planejar a universidade para os próximos cinco anos e para uma década. Com esse propósito, a reitora da Universidade Federal do Cariri (UFCA), professora Suely Salgueiro Chacon; o vice-reitor, professor Ricardo Lange Ness; os pró-reitores; os diretores administrativos e acadêmicos encerraram, nesta quarta-feira, 2 de dezembro, um dos ciclos de oficinas e reuniões do Planejamento Estratégico Institucional (PEI), que definirá a estratégia de atuação da instituição ao longo dos próximos dez anos.
Publicado em Notícias da UFCA
Segunda, 31 Agosto 2015 10:29

Projetos Estratégicos

Iniciativas e Projetos Estratégicos


De forma a impactar diretamente os objetivos estratégicos, são desenvolvidas iniciativas estratégicas capazes de mobilizar a instituição para o alcance de seus resultados. As iniciativas estratégicas são temporárias e de grande magnitude que contribuem diretamente com um ou mais objetivos estratégicos. Trata-se, portanto, de um conjunto de iniciativas com alto grau de contribuição para a estratégia.

Para a definição do Portfólio de Projetos Estratégicos foram realizadas as seguintes atividades: elaboração de uma lista preliminar de projetos com o título do projeto, produto principal e subprodutos; classificação dos projetos quanto a intensidade de gestão (baixa, moderada e alta); alinhamento dos projetos aos objetivos estratégicos; selecionar os projetos estratégicos; realizar a programação estratégica dos projetos; e elaborar o termo de abertura de cada projeto.

O Portfólio de Projetos da UFCA foi inicialmente validado em uma oficina de Iniciativas Estratégicas realizada no segundo semestre do ano de 2015 com a participação de gestores e lideranças da instituição. Durante a realização da segunda RAE - Reunião de Avaliação da Estratégia, no primeiro semestre de 2017, o Portfólio de Projetos Estratégicos foi reavaliado e revisado pelo Comitê de Planejamento Institucional com a intenção de adequação e atualização do mesmo às evidentes mudanças conjunturais e institucionais ocorridas desde a concepção e elaboração desses projetos. Na ocasião, a relação dos projetos do portfólio foi reavaliada considerando novos critérios de prioridade baseados em riscos e nas novas condições orçamentárias.

Com isso,  um projeto foi descontinuado, três projetos foram requalificados como projetos setoriais, e duas novas iniciativas foram incorporadas ao portfólio. Todos os projetos remanescentes no Portfólio, foram ainda reestruturados e os seus Termos de Abertura redefinidos, com relação ao seus objetivos, escopo, as atividades, o cronograma e os resultados previstos.

 

CÓD.* Título do Projeto Finalidade(s) ou Objetivo(s) Principal(is) Áreas Responsáveis Situação
(Acompanhamento Abril/2017)
PE-1 GRADUAÇÃO - EXPANSÃO E CONSOLIDAÇÃO DE CURSOS Implantar novos cursos e consolidar cursos existentes de graduação, com infraestrutura e tecnologias educacionais adequadas, visando o aumento da oferta de vagas, da efetividade na formação de pessoas, e da contribuição para o desenvolvimento sócio econômico da região do Cariri. Proen / CEG (Coord. de Ensino de Graduação); Diretorias das Unidades Acadêmicas; Coordenações de Cursos; Ativo no Portfólio;
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: dez/2020;
PE-2 PDPP – PLANO DIRETOR DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO Elaborar Plano Diretor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFCA, visando consolidar, fomentar e ampliar os grupos de pesquisa e os programas de pós-graduação. PRPI / CPG
(Coordenadoria de Pós-graduação);
Ativo no Portfólio;
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: jun/2019;
PE-3 SISTEMA DE GESTÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA Desenhar e implantar processos e sistema integrado de gestão orçamentária e financeira, de compras e outros custos da UFCA. Proplan/CPCO
(Coord. de Planejamento e Controle Orçamentário); PROAD/Contabilidade;
Ativo no Portfólio;
Estruturado Completamente: abril/2016;
Previsão Conclusão: mar/2019;
PE-4 PDTI 2020 - PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Elaborar o Plano Diretor de Tecnologia da Informação (PDTI) e implementar as ações previstas no período de anos, visando atender às necessidades de soluções de TI no âmbito da UFCA. DTI
(Diretoria de Tecnologia da Informação);
Ativo no Portfólio;
Estruturado Completamente: abril/2016;
Previsão Conclusão: dez/2020;
PE-5 PD-INFRA – PLANO DIRETOR DE INFRAESTRUTURA Elaborar o Plano Diretor de Infraestrutura dos campi e unidades da UFCA, visando atender a expansão e o desenvolvimento da UFCA com foco na sustentabilidade. Dinfra
(Diretoria de Infraestrutura).
Ativo no Portfólio;
Estruturado Parcialmente;
Previsão Conclusão: dez/2018;
PE-6 PGS – POLÍTICA DE GESTÃO DA SUSTENTABILIDADE Elaborar e iniciar a implementação da Política de Gestão da Sustentabilidade para promover o equilíbrio entre o meio ambiente e o desenvolvimento social e econômico-financeiro da instituição. Proplan/CGS
(Coordenadoria de Gestão da Sustentabilidade)
Ativo no Portfólio;
Reestruturado Totalmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: jun/2019;
PE-7 COMUNICA: INTEGRAÇÃO COM A SOCIEDADE Estruturar a Diretoria de Comunicação, aperfeiçoar o uso de canais de comunicação e fortalecer o relacionamento com os públicos da UFCA, para tornar as ações e os serviços da universidade mais acessíveis à comunidade acadêmica e à sociedade. Dcom
(Diretoria de Comunidação);
Ativo no Portfólio;
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: dez/2018;
PE-8 AMPLIA - AMBIENTE DE PLANEJAMENTO E INTEGRAÇÃO ACADÊMICA Elaborar e estruturar um arranjo institucional de programas e projetos acadêmicos estruturantes para efetivação, integração e ampliação do impacto de iniciativas da UFCA nas áreas de ensino, pesquisa, extensão e cultura.
Assessoria Especial;
Proen/CFOR; Prpi/ ; Proex/ ; Procult/;
Ativo no Portfólio;
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: dez/2019;
PE-9 CRIE - CENTRO REGIONAL DE INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO Elaborar e estruturar um ambiente integrado de cooperação institucional regional, focado na inovação e na educação e cultura empreendedora, visando apoiar o desenvolvimento regional por meio da criação de oportunidades de negócios. PRPI/CIN(Coordenadoria de Inovação);
Diari (Diretoria de Relações e Articulação Interinstitucional);
Ativo no Portfólio;
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: jun/2019;
PE-10 METODOLOGIAS E TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS (EAD) Promover o uso de melhores práticas educacionais, por meio da qualificação docente em métodos ativos de ensino e no uso tecnologias educacionais apropriadas, visando a melhoria de qualidade na formação acadêmica e a autonomia dos estudantes nos processos de aprendizagem. Proen/NPLE (Núcleo Pedagógico e de Legislação Educacional); PROEN/CFor (Coord. de Fortalecimento da Qualidade no Ensino); Ativo no Portfólio;
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: dez/2020;
PE-11 INTERNACIONALIZAÇÃO Estruturar a área, elaborar e operacionalizar os processos de cooperação internacional, visando promover a internacionalização da UFCA e das suas atividades acadêmicas. SCI
(Secretaria de Cooperação Internacional);
Ativo no Portfólio;
Estruturado Completamente: abril/2016;
Previsão Conclusão: dez/2018;
PE-12 QUALIDADE DE VIDA NA UFCA Desenvolver ações de avaliação diagnóstica, conscientização, capacitação e parcerias para melhoria da qualidade de vida na UFCA. Progep/Nasse (Núcleo de Assistência à Saúde do Servidor); Prae (Pró-reitoria de Assuntos Estudantis); Ativo no Portfólio;
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: jun/2019;
PS-13 IMPLANTAÇÃO DO ESCRITÓRIO DE PROJETOS E PROCESSOS
Implantação do Escritório de Projetos e Processos visando a gestão, o controle e melhoria dos resultados obtidos nos processos e projetos da UFCA. Proplan/CPGE (Coord. de Planejamento e Gestão Estratégica); Proplan/CTGR (Coord. de Transparência e Gestão de Riscos);
DTI; PROGEP;
Requalificado como Projeto Setorial (Revisão do Portfólio – 2017);
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: jun/2018;
PS-14 IMPLANTAÇÃO DE POLÍTICA DE GOVERNANÇA COM FOCO NA GESTÃO PARTICIPATIVA
Desenvolver ações que visem implementar boas práticas de governança pública e gestão participativa, visando maior transparência e alcance de resultados. Proplan/CPGE (Coord. de Planejamento e Gestão Estratégica); Requalificado como Projeto Setorial (Revisão do Portfólio 2017);
Estruturado Completamente: abril/2016;
Previsão Conclusão: set/2018;
PS-15 IMPLANTAÇÃO DE POLÍTICA DE GESTÃO POR COMPETÊNCIAS
Mapear e adequar as competências com foco nos resultados institucionais, garantindo um melhor dimensionamento do quadro de servidores nas funções/cargos dos setores e unidades da UFCA. Proplan/CGPP (Coordenadoria de Gestão de Projetos e Processos) Requalificado como Projeto Setorial (Revisão do Portfólio 2017);
Reestruturado Parcialmente: abril/2017;
Previsão Conclusão: jun/2018;
- IMPLANTAÇÃO DO CENTRO DE CAPACITAÇÃO
Estruturar Centro de Capacitação para a promoção de ações de desenvolvimento e capacitação de servidores da UFCA e das demais instituições públicas da região do Cariri. Progep/CDP
(Coord. de Desenvolvimento de Pessoal)
Requalificado como Projeto Suspenso (Revisão do Portfólio – 2017);
Estruturado Completamente: abril/2016;
Previsão Conclusão: -;

No que depender de ações realizadas hoje, como funcionará a universidade nos próximos dez anos? A resposta começou a ser delineada oficialmente na noite desta quarta-feira, 15, quando a Universidade Federal do Cariri promoveu, simbolicamente, o lançamento do projeto do Planejamento Estratégico Institucional da UFCA.

Publicado em Notícias Acadêmicas


 

Convite
 
Faça parte do futuro da UFCA
Lançamento do Projeto de Planejamento Estratégico Institucional 
 
 
 
A Pró-Reitoria de Planejamento (PROPLAN) convida você e toda comunidade acadêmica para o lançamento do projeto do Planejamento Estratégico Institucional (PEI), que acontecerá amanhã, 15, às 16h30min, no pátio do campus de Juazeiro do Norte.
Com o Planejamento Estratégico, nossa universidade definirá visão, missão, metas e valores para os próximos 10 anos. Por isso, sua colaboração é fundamental. 
Participe!

 
 
Abril 2015
15

Campus Juazeiro do Norte
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


Diretoria de Comunicação e Responsabilidade Socioambiental
Av. Tenente Raimundo Rocha S / N - Bairro Cidade Universitária, 2 ° Bloco, Sala 57
Juazeiro do Norte - Ceará; CEP 63048-080
Fone: (88) 3572 7236 
 
 

A Pró-Reitoria de Planejamento (PROPLAN) lançará no próximo dia 15 de abril, quarta, o projeto do Planejamento Estrategico Intitucional (PEI) da Universidade Federal do Cariri (UFCA). O evento acontecerá a partir das 16h30min no pátio do campus em Juazeiro do Norte e será aberto a toda comunidade acadêmica.

Publicado em Notícias Acadêmicas
Quinta, 26 Março 2015 15:34

Como Participar

Como e Quando Participar: Cartilha do Planejamento Estratégico Institucional


A Cartilha do Planejamento Estratégico Institucional - PEI da UFCA apresenta quem são os grupos de participantes, suas responsabilidades, as fases e datas da atividades do projeto . As atividades estão identificadas através das cores (azul, rosa e verde) de acordo com o público alvo participante.

 

 

Consulta Pública do Documento Base do PDI


O Documento Base do PDI está disponível para consulta pública e participação da comunidade por meio de um formulário eletrônico disponível durante o período de 20 de Julho a 08 de Agosto de 2016.

A Consulta Pública tem por objetivo apresentar e consultar a comunidade sobre a proposta de Documento Base do PDI da UFCA 2020 , elaborada coletivamente pela gestão, corpo técnico e docentes da UFCA. 

Acesse aqui o Documento Base e a Consulta Pública do PDI UFCA 2020.

Pesquisa Pública sobre o Planejamento Estratégico da UFCA


Na 1ª fase do planejamento estratégico da UFCA houve a oportunidade de participação direta de toda a comunidade acadêmica e sociedade em geral. O questionário para coleta de informações ficou aberto e disponível à comunidade por aproximadamente dois meses.

Os objetivos da consulta pública foram: identificar os pontos de convergência em temas sobre as dimensões, resultados, público-alvo, partes interessadas; e organizar uma proposta de Mapa Estratégico; os quais foram discutidos nos eventos de validação. 

 

Pesquisa Pública sobre o Planejamento Estratégico da UFCA

1. Missão

Qual é, em sua opinião, a “razão de ser” da UFCA? Realizar uma reflexão sobre a identidade da Universidade, ou seja, qual a sua finalidade?

2. Visão de futuro

No seu entendimento, qual é a visão de futuro para a UFCA para 2025?

3. Desafios

Aponte até 05 grandes desafios para a UFCA no horizonte 2015-2025.

4. Comunicação

Quais são os desafios relacionados a comunicação institucional?

Existem desafios quanto à imagem da UFCA perante a outros órgãos e à sociedade?

5. Pessoas

Quais são os principais desafios para quanto à gestão e o desenvolvimento de pessoas (servidores e pessoal terceirizado)?

6. Infraestrutura e Tecnologia

Há desafios para melhoria da infraestrutura física e de tecnologia da informação (software, hardware, comunicação)?

7. Potencialidades e Fraquezas

Quais seriam os pontos fortes e pontos fracos da UFCA?

 

 
«IniciarAnt12PróxFim»
Pagina 1 de 2