Início do Conteúdo
A Universidade Federal do Cariri (UFCA) teve nove projetos aprovados na Chamada Universal 2018, um edital de incentivo à pesquisa promovido pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). O resultado foi divulgado no último dia 5 de dezembro. Todos os anos, a Chamada Universal do CNPq apoia financeiramente projetos que contribuam significativamente para o desenvolvimento científico, tecnológico e inovador do país, em qualquer área do conhecimento.    Ao todo, serão distribuídos R$ 200 milhões, entre 5.572 projetos de pesquisa aprovados em todo Brasil. O edital prevê três faixas de apoio: a faixa A, com verbas de até R$ 30 mil; a faixa B, até R$ 60 mil e a C, até R$ 120 mil. Os projetos da UFCA foram aprovados na primeira faixa. Os recursos serão liberados em até três parcelas.    Na lista a seguir, os projetos da UFCA contemplados pela Chamada Universal do CNPq:    1. "Taxonomia do filo porifera para o Estado do Ceará: inventário faunístico", proposto pelo professor do Instituto de Formação de Educadores (IFE/UFCA), George Santos;    2. "Biossensores eletroquímicos estruturados com proteínas redox de cogumelos silvestres", proposto pelo professor do Centro de Ciência e Tecnologia (CCSA/UFCA), Thiago Mielle;    3. "Flexibilização das relações de trabalho na economia do compartilhamento: um estudo no nordeste brasileiro", proposto pelo professor do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA/UFCA), Jeová Torres;    4. "Web semântica e web pragmática: estudo de representação e recuperação de informação em acervos informacionais digitais", do professor do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA/UFCA), Denysson Axel;    5. "Consumo colaborativo e economia criativa na região do Cariri", da professora do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA/UFCA), Beatriz Gondim;    6. "Mapeamento da maturidade tecnológica e da demanda tecnológica da região do Cariri", do professor e coordenador do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT/UFCA), Elias Pereira;    7. "Biogeoquímica de metais traço em estuário sob clima semiárido: contribuição para monitoramento das mudanças ambientais no Delta do rio Parnaíba", do professor do Centro de Ciência e Tecnologia (CCSA/UFCA), Francisco José de Paula.    Outros dois projetos aprovados foram propostos pelos professores Francisco Wirley, do Instituto de Formação de Educadores, em Brejo Santo, e José Euclides Gomes, do curso de Engenharia Civil da UFCA.    Serviço   Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) St. de Habitações Individuais Sul - Blocos A, B, C, D - Lago Sul, Brasília - DF (61) 3211-9000 cnpq.br  
As Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes) lançam, nesta quinta-feira (13), simultaneamente, uma campanha de conscientização sobre o papel das universidades públicas no Brasil. O vídeo a seguir, produzido para a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior no Brasil (Andifes), exemplifica algumas das iniciativas e funções das universidades federais, fundamentais para o desenvolvimento humano e científico da sociedade brasileira.    O vídeo permanecerá publicado, ainda, nos nossos perfis no facebook, no Instagram e no YouTube.       Serviço Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior no Brasil (Andifes) Setor Comercial Sul Q. 1 - Brasília-DF (61) 3321-6341 www.andifes.org.br
O Programa Idiomas Sem Fronteiras na Universidade Federal do Cariri (IsF-UFCA) vai sediar, nos próximos dias 13 e 14 de dezembro, um encontro com realizadores de núcleos de idiomas de diferentes instituições de ensino superior no Brasil. O primeiro InterNucLis Inglês Ceará vai promover a troca de experiências na oferta de cursos de inglês, por meio de palestras, oficinas e apresentação de trabalhos. Os interessados devem se inscrever na página do evento,  pela qual também podem acessar a programação.   Para as palestras, são esperados os professores Avram Stanley Blum e Virgílio Almeida (por videoconferência), do Instituto de Letras da Universidade de Brasília (UnB); Rogério Casanovas Tilio, da Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); João Tobias Lima Sales, do Curso de Letras da Universidade Estadual do Ceará (Uece) e Valeska Virgínia Soares Souza, do Instituto de Letras e Linguística da Universidade Federal de Uberlândia (Ileel/UFU).   Entre os assuntos a serem abordados estão o uso de jogos e gamificação em aulas de línguas, formação à distância para professores do IsF, inteligência artificial e teoria da atividade. Inscritos terão presença no evento certificada em 20h.   Idioma sem Fronteiras   O IsF é um programa do governo federal que objetiva internacionalizar o ensino superior brasileiro. Entre suas várias ações, está a promoção de cursos presenciais de idiomas em diversas instituições federais de ensino cadastradas. Uma delas é a UFCA, que realiza as formações por meio do Núcleo de Idiomas e Culturas Estrangeiras da Pró-Reitoria de Cultura (NucLi-Procult/UFCA).   Serviço Primeiro Encontro InterNucLis Inglês Ceará Sala 55B, Bloco C, campus Juazeiro do Norte - UFCA Data: 13 e 14 de dezembro de 2018 Hora: a partir das 8h   Núcleo de Idiomas e Culturas Estrangeiras da Pró-Reitoria de Cultura (NucLi-Procult/UFCA) \n O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. (88) 3221-9245  
Iniciado em 2018, o UFCão é um projeto de extensão da Universidade Federal do Cariri (UFCA), de caráter educativo, que leva a estudantes do ensino médio de escolas publicas palestras sobre a causa animal, com temas como abandono, maus tratos, zoonoses, higiene e alimentação animal. Nas visitas às escolas, o UFCão também aborda o papel dos protetores de animais. Nesses encontros, por exemplo, os estudantes são orientados sobre como fazer denúncias de maus tratos e de abandono, sobre o controle da reprodução animal, sobre os benefícios da castração e sobre os riscos das vacinas anticoncepcionais. Após as palestras, os estudantes respondem questionário sobre os assuntos discutidos, para que a organização possa avaliar os impactos das falas e também pensar em melhorias.    A proposta de promover educação sobre a causa animal veio da estudante de Administração da UFCA, Fernanda Bastos, que hoje atua como voluntária do projeto. Ela conta que sempre foi próxima à causa, mas nunca atuou efetivamente pela questão até deixar Fortaleza e vir morar no Cariri: “Quando comecei a estudar na UFCA eu senti que era o momento de eu fazer algo, de tomar a frente de alguma ação. Todos deveriam fazer algo pela sociedade onde vivem”, disse. Para Fernanda, especialmente o abandono de animais é um problema socioambiental sobre o qual todos devem ter responsabilidade: “acreditamos que um projeto de extensão, com seu caráter educativo, traria a correta mensagem sobre o abandono de animais”, explica. Ainda segundo Fernanda, não é necessário fundar uma organização não governamental (ONG) ou associação para ser um protetor dos animais, o que é frisado nas palestras do UFCão.   A ideia de Fernanda foi formalizada como um projeto de extensão da UFCA por meio de um edital da Pró-Reitoria de Extensão (Proex/UFCA) voltado a propostas da comunidade acadêmica. Sob a coordenação da professora do curso de Administração da UFCA, Waleska Félix, o UFCão já realizou 8 palestras em 2018, superando a programação inicial de 6. Ao todo, o projeto já atingiu 900 estudantes, todos no eixo Crajubar. O UFCão também participou de 5 feiras de adoção, orientando pessoas sobre adoção responsável, e da primeira edição da ação UFCA Itinerante, em Salitre, com duas palestras para crianças de 5 a 15 anos.   A UFCA Itinerante (iniciativa que leva atividades da UFCA a cidades do Cariri distantes dos seus campi) foi a última das ações do UFCão de 2018. Na visita a Salitre, nos dias 1º e 2 de dezembro, o desafio foi lidar com um público formado, em maioria, por crianças - portanto de menor faixa etária que o habitual no UFCão: “Eu pude me ver numa situação diferente, usando uma linguagem diferente”, diz Fernanda, que ressaltou a boa participação dos pequenos: “As crianças eram muitos sinceras e elas afirmaram a importância de cuidar e de respeitar os animais. Fiquei feliz por ter conseguido transmitir essa mensagem”, completa.   Para financiar o projeto, o UFCão também realiza ações como bazares e "dias doces", nos quais vende brigadeiros para arrecadar dinheiro. O projeto mantém ainda perfis no facebook e no instagram para divulgar suas pautas e atividades.  Parceiros O UFCão faz parcerias com diversas entidades, como a Associação Protetora dos Animais (Apac), o Projeto Acolhe (também de conscientização sobre a causa animal), a Associação de Proteção à Vida (Aprov), o Centro de Controle de Zoonoses de Juazeiro do Norte e o curso de Medicina Veterinária do Centro Universitário Leão Sampaio (Unileão). Pessoas físicas, como a protetora dos animais Jaqueline Gouveia e os médicos veterinários Huedo e Samira Batista, também apoiam o UFCão.  
As linhas de ônibus que dão acesso à Universidade Federal do Cariri (UFCA) campus Juazeiro do Norte terão redução de oferta no período de férias. A partir do dia 20 de dezembro, as linhas "9 - Centro/ Campus Universitário Via Rua do Limoeiro" e "10 - Centro/Universidades" vão parar de circular. Segundo a Viametro Cariri, concessionária que opera as linhas de ônibus, a paralisação se deve à redução da demanda por ônibus para os bairros Planalto e Cidade Universitária em consequência do fim das aulas. Como servidores da UFCA e funcionários das demais universidades ainda precisam acessar a região, mesmo após o fim do período letivo, a Viametro Cariri vai continuar operando a linha "8 - Centro/Campus Universitário Via Rua São Paulo", no horário habitual.   Conforme o site  da concessionária, o primeiro ônibus da linha 8 sai do Terminal Municipal do São Miguel às 6h20 e o último parte às 22h10 do Instituto Federal do Ceará (IFCE) campus Juazeiro, em direção ao Centro. Aos sábados, ainda segundo o site da Viametro Cariri, há apenas uma partida do São Miguel às 6h40 e outra, do IFCE, às 12h10.     As linhas 8, 9 e 10 do transporte municipal em Juazeiro do Norte atendem principalmente à demanda por transporte para a UFCA, para o IFCE, para o Centro Universitário Leão Sampaio (Unileão) e para a Faculdade de Medicina Estácio de Juazeiro do Norte (Estácio FMJ). No bairro São Miguel, há as Faculdades Paraíso (FAP) e Juazeiro do Norte (FJN), mas, pela proximidade do Terminal Municipal no bairro, a demanda até essas universidades é atendida também por outras linhas. Segundo a Viametro Cariri, o retorno das linhas 9 e 10 depende do início das aulas das principais instituições atendidas. Na UFCA, as aulas de 2019 devem começar em 11 de março, mas outras instituições, como o IFCE e a Unileão, pretendem retomar as aulas antes disso. A Unileão, por exemplo, promete o retorno às aulas para o dia 4 de fevereiro.   Serviço   Viametro Cariri Rua Pedro Duda, 338-A, Triangulo, Juazeiro do Norte-CE (88) 3521-3632 \n O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. viametrocariri.com.br
A Comissão Eleitoral constituída pelo Conselho Superior da Universidade Federal do Cariri (Consuni/UFCA) divulgou, na última sexta-feira (7), o resultado da votação para a composição da lista tríplice com candidatos à Reitoria da UFCA. A eleição ocorreu também na sexta-feira, pela manhã, no auditório Beata Maria de Araújo, campus Juazeiro do Norte. Ao todo, 5 chapas se submeteram à votação. Delas, as três mais votadas pelos membros do Consuni foram as seguintes:   1ª - Reitor: Ricardo Luiz Lange Ness 2ª - Reitor: Juscelino Pereira Silva 3ª - Reitor: Silvério de Paiva Freitas Júnior   Confira as chapas mais votadas no documento enviado pela Comissão Eleitoral após a eleição no Consuni.   Agora, a recém-formada lista tríplice será encaminhada para apreciação do governo federal, que poderá escolher uma das chapas da lista para assumir a Reitoria da UFCA.
Com o fim do ano letivo de 2018, os Refeitórios Universitários dos campi Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha da Universidade Federal do Cariri (UFCA) vão funcionar apenas no horário de almoço a partir desta segunda-feira (10). De acordo com a Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Prae/UFCA), responsável pelo equipamento, a suspensão do jantar nos RUs da universidade deve durar até o início do semestre 2019.1. Na UFCA, as aulas devem começar no próximo dia 11 de março.   Ainda segundo a Prae, os RUs vão suspender a oferta de todas as refeições a partir da véspera de Natal, no dia 24 de dezembro. O almoço nos refeitórios deverá ser retomado em 7 de janeiro de 2019.     Serviço   Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Prae/UFCA) Sala 201, bloco I - campus Juazeiro do Norte (88) 3221-9366 \n O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
O primeiro Encontro Nacional de Teoria Crítica e Psicanálise foi concluído na última sexta-feira (7), no campus Juazeiro do Norte da Universidade Federal do Cariri (UFCA). A mesa de encerramento reuniu, no auditório Bárbara de Alencar, o psicólogo Claudemir Pedroso (foto, à direita), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a também psicóloga Francirene de Sousa, atualmente professora da Universidade de Fortaleza (Unifor), e o filósofo Álvaro Lins, da Universidade Estadual do Ceará (Uece).    Na fala intitulada "A lógica da vizinhança: além da segregação", Claudemir abordou significantes como narcisismo, pequena diferença e segregação crescente. Trazendo conceitos de grandes nomes da Psicanálise, como Freud, Lacan e Roberto Harari, ele discorreu sobre o duplo sentido das palavras e sobre como isso pode contribuir nas reflexões sobre segregação: "Para nós, em português, 'bárbaro' pode ter significados completamente contrários. [Walter] Benjamin falava sobre a barbaridade da cultura. Não entendo muito alemão, mas acho que o que ele falava ia nessa linha. Toda palavra evoca seu contrário", afirmou. Já Álvaro Lins, na sua fala "O a-bjeto: da posição paradoxal do baixo", trouxe significantes importantes para debates contemporâneos, como força de trabalho, subversão e violência: "A característica maior da violência é que ela é muda, ela resiste à linguagem", disse. Fechando a mesa, Francirene Sousa, na fala "A negatividade do ódio", usou parte do seu trabalho de doutorado para discorrer sobre ódio e cultura: "a relação do homem com a cultura é marcada pelo ódio, sustentando o caráter dialético da função do pai. Freud não separa a Psicologia Social da Psicologia Individual".   Encontro Nacional de Teoria Crítica e Psicanálise   Entre os últimos dias 5 e 7 de dezembro, a Universidade Federal do Cariri (UFCA) recebeu estudantes e pesquisadores de três universidades cearenses para o primeiro Encontro Nacional de Teoria Crítica e Psicanálise. Nos três dias, houve mesas redondas, sessões de comunicação, exibições de filmes e plenária dos grupos de pesquisa participantes. Os significantes discutidos no evento foram diversos: linguagem, trauma, declínio da função paterna, fascismo, fobia, fake news e tempo.   Além da UFCA, realizaram o evento a Uece, a Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab). Os grupos participantes foram o Lakan i Alice (UFCA), Teoria Crítica do Espetáculo e Psicanálise (Uece), Teoria Crítica e Psicanálise (Unilab) e Laboratório de Psicanálise (UFC).  
A Pró-Reitoria de Extensão (Proex/UFCA) lançou, no último dia 30, edital para cadastramento ou renovação de projetos do Programa de Integração Ensino Extensão (Peex), gerenciado em parceria com a Pró-Reitoria de Graduação (Prograd/UFCA). O Peex é um programa que incentiva a prática de extensão universitária vinculada a componentes curriculares de cursos de graduação, por meio de concessão de bolsas.    O prazo para submissão de propostas vai até o próximo dia 11 de janeiro. Apenas coordenadores de projetos podem inscrever as iniciativas, via formulário eletrônico. Para efetuar inscrição, é necessário apresentar os seguintes documentos:    - Projeto de Monitoria;  - Declaração de Parceria Externa, nos casos cabíveis - O plano de ensino da disciplina, constando a execução de atividades de extensão em seu currículo.   As iniciativas contempladas poderão conceder bolsas a estudantes de graduação da UFCA, que deverão  ter disponibilidade de 12 horas semanais para o desenvolvimento das atividades.   Orientadores, bolsistas, voluntários do projeto e estudantes das disciplinas devem desenvolver as ações em conjunto. Vale lembrar que o Peex efetiva o que prevê o Plano Nacional de Educação (PNE 2014/2024), segundo o qual 10% da carga horária total dos cursos de graduação devem ser voltados a programas e projetos de extensão universitária.   Serviço   Coordenadoria de Gestão das Ações (CGA-Proex/UFCA) Sala 202, Bloco I, segundo andar - campus Juazeiro do Norte Horário de Funcionamento: 8h às 12h e 13h às 17h (segunda a sexta-feira) \n O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. (88) 3221-9285  
O empresário Douglas Feitosa, egresso do curso de Administração da Universidade Federal do Cariri (UFCA), conquistou o segundo lugar em uma das 4 categorias do Prêmio Universitário Empreendedor. O prêmio é promovido pelo Centro de Empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará (Cemp/UFC), em parceria com a Fundação de Apoio a Serviços Técnicos, Ensino e Fomento a Pesquisas (Astef). A cerimônia de anunciação dos vencedores foi no último dia 23 de novembro, na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), em Fortaleza.    Douglas, atualmente secretário executivo de desenvolvimento econômico e inovação de Juazeiro do Norte, foi segundo lugar na categoria "Melhor TCC sobre Empreendedorismo", com o trabalho "Território de Empreendedorismo e Inovação como Fomentadores ao Desenvolvimento de Juazeiro do Norte-CE". O trabalho vencedor foi o "Geração de modelo de negócio, validação e análise de viabilidade econômico-financeira de uma startup no setor Lawtech", do estudante Bruno Vieira Maia, da UFC.    Segundo Douglas, a escolha do tema do TCC veio com as atividades empreendedoras que ele já desenvolvia antes de concluir o curso: "eu trabalhava com auditoria do setor de saúde. Fiz um intercâmbio para o Canadá e, quando voltei, veio a ideia de começar a empreender. Abri minha primeira empresa, em um setor totalmente diferente do que eu atuava, e fui gostando da área. Nas minhas atividades, eu vi a necessidade de mapear o meu território e de entender o que acontece de fomento ao empreendedorismo na região [do Cariri]", disse.    Hoje, Douglas tem uma consultoria especializada na metodologia mystery shopping (cliente misterioso, que levanta informações sobre atendimento, produtos e serviços de uma empresa). O jovem chegou a ter outra, de  móveis sustentáveis, mas repassou o empreendimento a sócios. Além das atividades de empresário e gestor, o egresso da UFCA preside a Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem de Juazeiro do Norte (CDL Jovem), cuja missão é fomentar o empreendedorismo e formar jovens líderes. Demais categorias Outro estudante de Administração da UFCA, Jefferson Pereira de Sousa, chegou à final  do Prêmio Universitário Empreendedor, na categoria "Melhor Empreendimento Ativo". Nessa, o vencedor foi o empreendimento "Tecnews", de Jordânia dos Santos Oliveira. O segundo lugar ficou com o projeto "Insatisfeitos.com", do estudante da UFC, Leonardo Pontes. As demais categorias do prêmio foram "Melhor Empreendimento de Impacto Social" e "Melhor Projeto de Empreendimento".   No total, foram 54 trabalhos inscritos, representando 14 instituições de ensino superior, de 10 municípios cearenses. Segundo a organização, os critérios para a escolha dos vencedores foram originalidade, descrição precisa do modelo de negócio, potencial de mercado e viabilidade/sustentabilidade financeira do empreendimento.  
«IniciarAnt12345678910PróxFim»
Pagina 1 de 337