Início do Conteúdo

Elaboração do PDTI

Sexta, 19 Outubro 2018 10:29

  

 

       A elaboração do Plano Diretor de Tecnologia da Informação - PDTI 2019 da UFCA segue a metodologia do Guia de PDTI desenvolvida pelo Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação – SISP, instituído pelo Decreto nº 7.579, de 11 de outubro de 2011, com o objetivo de organizar a operação, controle, supervisão e coordenação dos recursos de tecnologia da informação da administração direta, autárquica e fundacional do Poder Executivo Federal. O Guia de PDTI é disponibilizado pelo SISP no intuito de fornecer orientações gerais sobre a elaboração do plano de médio prazo da TI.

        No Guia de PDTI define três fases para o processo de elaboração do PDTI: Preparação, Diagnóstico e Planejamento. Seguindo essa metodologia do SISP, foram realizadas adaptações do processo para adequá-lo ao ambiente atual da DTI. A seguir, são detalhadas as principais características de cada fase, documentos gerados e seus resultados.  

Confira a Agenda de Trabalho para o PDTI 2019.

1. Preparação

        A construção do PDTI-2019 inicia-se a partir da fase de preparação. Nela, a DTI constrói o Plano de Projeto de elaboração e convida servidores de outros setores a participarem da equipe elaboração do PDTI. A formalização da equipe ocorre com publicação da portaria, assinada pelo presidente do Comitê de Governança.
        O Plano de Projeto é apresentado à Equipe de elaboração, que definirá a abrangência, a metodologia de elaboração e o período do PDTI. A documentação de referência é consolidada, e os princípios, diretrizes e estratégias voltados para a TI são definidos.
        Finalizada essa atividade, é consolidado o Plano de Trabalho do PDTI (PT-PDTI), o documento é submetido à apreciação do Comitê.
 

As principais atividades que compõem a fase de Preparação são:

1.1. Formalizar o Projeto de Elaboração do PDTI
1.2. Publicação da Portaria de Designação da Equipe
1.3. Reunião inicial de apresentação do projeto
1.4. Definir abrangência, período e descrever a metodologia de elaboração
1.5. Consolidar documentos de referência
1.6. Identificar estratégias, princípios e diretrizes relacionados à TI
1.7. Elaborar o Plano de Trabalho do PDTI (PT-PDTI)
1.8. Aprovar o PT-PDTI
 

Documentos Gerados - Fase de Preparação

 
 

2. Diagnóstico

        Nessa fase, realiza-se a avaliação e, se necessário, redefinição do referencial estratégico da TI (Missão, Visão, Valores e Objetivos Estratégicos da TI), a fim de garantir o alinhamento das ações da TI aos instrumentos de planejamento da UFCA.

        As atividades desenvolvidas nessa etapa resultam no inventário das necessidades de TI da UFCA, que norteará todas as ações de TI durante o período de vigência do PDTI. Para a construção desse artefato, será considerada o contexto da organização atual da TI; a análise SWOT, para identificar as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças; a estimativa da capacidade de TI; e, além disso, serão utilizadas estratégias de consulta à comunidade acadêmica, para obter um diagnóstico das suas necessidades relacionadas a TI.

As principais atividades que compõem a fase de Diagnóstico são:

2.1. Analisar resultados do PDTI anterior
2.2. Analisar o referencial estratégico de TI
2.3. Analisar a organização da TI
2.4. Realizar Análise SWOT da TI
2.5. Estimar a capacidade de execução da TI
2.6. Planejar o levantamento das necessidades
2.7. Identificar as necessidades
2.8. Consolidar o inventário de necessidades
2.9. Alinhar as necessidades de TI aos objetivos estratégicos do PEI e do PDTI
2.10. Aprovar o Inventário de Necessidades
 

3. Planejamento

        A última fase do processo de elaboração visa a consolidação do PDTI 2019. São definidos critérios de priorização para as necessidades levantadas anteriormente na fase de Diagnóstico e, com o auxílio da Técnica Matriz GUT (Gravidade, Urgência e Tendência), classificam-se as necessidades de acordo com seu grau de prioridade. Com base nessa classificação, definem-se as ações a serem executadas para atingimento das metas estabelecidas. Feito isso, dá-se início ao planejamento das ações de pessoal, orçamentárias e gestão de riscos.
        Após o fim desse processo, a Minuta do PDTI é consolidada e submetida à aprovação do Comitê de Governança. Aprovada, ocorre a publicação e a divulgação do PDTI.
 

As principais atividades que compõem a fase de Planejamento são:

3.1. Atualizar critérios de priorização
3.2. Priorizar as necessidades inventariadas
3.3. Definir metas e ações
3.4. Planejar ações de pessoal
3.5. Planejar orçamento das ações
3.6. Planejar o gerenciamento de riscos
3.7. Consolidar a Minuta do PDTI
3.8. Aprovar a Minuta do PDTI
3.9. Publicar o PDTI e comunicar a comunidade
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Lido 645 vezes